quarta-feira, 10 de julho de 2013

Tem dias........

Nos últimos anos tenho tentado ser uma pessoa melhor.
Um acontecimento (2 na realidade) demasiado forte, ficar sem chão debaixo dos pés, perceber que tudo pode mudar em instantes fez com que tente viver a vida mais intensamente. Ajustar as prioridades, dar mais valor ao que realmente importa. Enfim, tenho feito algumas mudanças.
Tento distanciar-me de pessoas ou situações negativas.
Se não me fazem bem, xau!
Mas nem sempre consigo. Não sou de ferro. Continuo a ter temperamento do sul (como dizem os alemães) ou o coração na garganta (como diz a minha mãe) e mulher de tomates (como dizia o meu sogro - saudades!). Vai daí às vezes é bastade difícil ficar calada.
 
Ontem fui com os filhotes ao parque. Levei um livro e para me concentrar melhor fiquei um pouco afastada das outras mães. Às vezes olhava e estava tudo controlado. Num certo momento vem o Tiago na minha direcção de mão dada com a Luisa a chorar muito. Pensei que se tinha magoado.
Mas não, entre soluços lá foi contando que uma mãe tinha ralhado muito com ele e lhe tinha dito para ele ir para casa. Ele estava a brincar numa casa e não deixou os filhos dela entrarem. OK não se faz e chamei-o à atenção. O parque é para todos brincarem. Mas ele tem 6 anos e não gostei da atitude da senhora (que não conheço). Ela pensava que ele estava sozinho e aproveitou-se a situação.
Fiquei fula.
Depois de refletir uns momentos. Ponderar se a dita senhora merecia que eu gastasse a minha boa disposição, etc., cheguei à conclusão que não conseguia ir para casa sem lhe dar uma palavrinha (halloo coração na garganta!).
Muito simpáticamente mas firme pus a senhora no lugar.
Claro que ela disse que não ralhou com ele e não o mandou embora e não sabia que eu sou a mãe (nem conseguia olhar-me nos olhos). Bom, agora já sabe!
 
Assunto resolvido.
 
Beijos,
Sandra

3 comentários:

  1. Nada com esclarecer as coisas na hora!!
    Boa,cunhada!!

    ResponderEliminar
  2. adorei!!! Grande mãe e grande mulher :) tipicamente uma mulher portuguesa ... do sul!! fizeste muito bem. encontrei este blog por acaso e vou segui-lo ... de pertinho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada pelas tuas palavras. Apesar de ter temperamento do sul como dizem os alemães sou uma portuguesa do norte, carago :-). Sê bem vinda.

      Eliminar