quinta-feira, 25 de abril de 2013

Hóspede especial!

Na próxima semana a minha mãe vem cá para casa. Vai ficar cá uns dias até a casa dela estar livre.
 
Ora, fazendo uma retrospectiva eu vivi em casa da minha mãe (dos meus pais) até aos 21 anos, para depois ir morar sozinha (foi sempre o meu sonho).
Durante os 5 anos que vivi em Portugal (2 em Lisboa e 3 no Porto) passei vários fins de semana em casa dos meus pais.
Quando regressamos para cá em 2011 ficamos 2 meses a morar lá em casa até a nossa ficar livre.
 
Mas a minha mãe nunca ficou em minha casa!
Ela vem cá muitas vezes mas nunca ficou para dormir.
Bem, não fosse a minha mãe e até era estranho.

Agora o que mais me preocupa mesmo é a televisão.
Só temos uma e não temos os canais portugueses.
Para a situação não ser assim tão dramática e para a minha mãe não se sentir tão triste sem as novelas dela eu tenho evitado passar a ferro (tem estado bom tempo e qualquer desculpa para mim é uma boa desculpa). Já a minha mãe adora passar a ferro (e jura a pés juntos que eu não fui trocada na maternidade!) e assim sempre se vai entretendo, compreendem?
Claro que é só a pensar no conforto e bem estar dela.
Quem tem uma rica filha, quem tem??

Beijos,
Sandra
 
 
 

4 comentários:

  1. As voltas que a vida dá! Sandra, através da net consegues aceder a alguns vídeos de programas de tv portugueses. Para ver em directo não sei se dá, mas os vídeos sei que sim (notícias, talk shows, novelas, reportagens, etc) é assim que faço (fazem-me companhia enquanto passo a ferro :)

    Se te interessar, vai aos sites da RTP, TVI e SIC e pesquisa.

    Beijinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada mas eu acho que ela se está a preparar mentalmente para não ter portugues eheh
      Beijinhos

      Eliminar
  2. http://tvtutti.blogspot.de/

    Acho que vou aproveitar a minha ida a tua casa neste fds,para levar alguma roupa para a tua mãe passar!!! Não quero ver a tua mãe triste,por causa da roupa!! LOL

    ResponderEliminar
  3. Sandra, passar a ferro nem é das coisas que me custe muito, mas se for uma pilha de roupa muuuuito grande, já sou capaz de lhe torcer o nariz.
    Aproveite a Mãe e dê-lhe coisas úteis para fazer, ela não se vai aborrecer e vai sentir que a está a ajudar.

    ResponderEliminar